Publicidade

sexta-feira, 30 de novembro de 2012 Sem categoria | 12:02

Dirty Projectors + Holger = rock global em SP

Compartilhe: Twitter

Uma bela banda gringa e uma bela banda paulistana comandam uma noite recomendadíssima nesta sexta em São Paulo. A dobradinha Dirty Projectors e Holger leva ao Cine Joia um tipo de rock que tem as raízes espalhadas pelo mundo.

O Holger acaba de lançar o segundo disco, “Ilhabela”, que mostra a banda num lugar único entre os nomes roqueiros do país. Porque busca inspirações de fontes pouco usuais – Paralamas da fase “Selvagem”, ritmos nordestinos e nortistas, africanismos, rock experimental norte-americano.

E, com todos esses ingredientes, fizeram um disco autoral, divertido, dançante. Um bom exemplo é a faixa título, que ganhou clipe além de um remix feito pelo Adriano Cintra (da dupla Madrid).

O Holger é uma banda apropriada para abrir o show do Dirty Projectors (o Holger deve começar às 22h30; o DP, à meia-noite). O objetivo é o mesmo: fazer do rock um gênero o mais elástico possível.

Em sua (mais ou menos) curta e (bem) prolífica vida (seis discos em dez anos), o Dirty Projectors tornou-se um dos principais nomes do rock de veia experimental dos EUA. O mais recente álbum, “Swing Lo Magellan”, mostra uma banda que parece evoluir a cada ano, que vai dando forma cada vez mais coesa à infinidade de influências que absorve.

Um bom exemplo é “Gun Has No Triger”, um dos singles desse último disco.

Autor: Tags:

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.