Publicidade

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014 fotografia | 17:45

Fotógrafo clica reação de amigos ao revelar que está com Aids

Compartilhe: Twitter

chesser1ve

Fotografar parentes e amigos enquanto revela a eles que está com Aids. É esse o contexto aflitivo e intimista do ensaio “I Have Something to Tell You”, de Adrain Chesser.

Chesser fez 46 retratos, que mostram a genuína reação dessas pessoas diante da câmera. “Essas fotos são provavelmente as piores que já tirei de meus amigos, mas são sem dúvida as mais bonitas”, afirma o próprio.

“Ninguém me interrompeu, ninguém se levantou e saiu. Meus amigos foram corajosos e se mostraram dispostos a compartilhar essa experiência intensa comigo”, disse ele em entrevista ao “Huffington Post”.

chesser8ve chesser2ve chesser3ve chesser4ve chesser5ve chesser6ve chesser7ve

Autor: Tags: ,

20 comentários | Comentar

  1. 70 MCris 08/02/2014 10:16

    ARTE!!! Eternizar a expressão facial do momento de surpresa e dor. Original. Criativo. ARTE!!!

  2. 69 Nina 08/02/2014 9:44

    Ele está rodeado de pessoas que gostam dele, Confradinho.

  3. 68 Silvio Souza da Silva 08/02/2014 9:24

    Há pessoas que compreendem tudo.E as que compreendem aquelas que compreendem tudo. E as que nada compreendem. (Maquiavel).

  4. 67 Marcel 08/02/2014 9:12

    É apenas uma linha de trabalho, o fotógrafo tem liberdade (e competência) para fotografar o que quiser porque ele ESTUDOU para isso. Tudo bem que hoje em dia qualquer zé ruela com uma câmera (ou celular) produz (milhares) de fotos (inúteis e de baixa qualidade, de si mesmo, do que está comendo, dos outros que não querem aparecer na foto ou atrapalhando alguma paisagem interessante), não é a mesma coisa. Mil vezes algumas poucas fotos com qualidade técnica e sentimento do que milhões de fotos que nem deveriam existir. Para se ter uma câmera fotográfica a pessoa deveria obter uma licença/controle específica(o) do Governo, como já é feito para as armas. E os celulares (e similares) tinham de vir com as câmeras bloqueadas de fábrica, habilitados apenas pelos licenciados. Quando a AIDS em si, não vejo problema nenhum em falar ou divulgar, os soropositivos precisam de visibilidade, mostrar que não estão mortos em vida, que ainda são pessoas ativas e que estão aí, vivendo, trabalhando e produzindo. E aos jovens (e adultos) um recado para se protegerem, a AIDS é uma virose mortal transmitida pelo sexo, com 2 ou 3 vias principais de transmissão (pênis com ânus, pênis com vagina e também pênis com boca, sem camisinha), ponto! E 1 em cada 10 pessoas HETEROSSEXUAIS já tem e não sabe… A AIDS não afeta só sua vida, mas também de todas as pessoas que gostam de você! É uma tristeza profunda que não passa, como foi retratada nas fotos. Cuidem-se!

  5. 66 Paty 08/02/2014 8:41

    A sensação é que houve um falecimento .
    Péssimo !

  6. 65 otavio 08/02/2014 7:47

    Meu!
    O cara ta com AIDS e ta preocupado em tirar foto?
    Pena que não existe uma maneira de registrar os pensamentos das pessoas, senão, não sei não?

  7. 64 Velho Transudo do Resteio 08/02/2014 1:23

    O barbudinho com estrelas no pescoço parece que ficou preocupado, saiu da sessão e foi faze o exame tb 😉

  8. 63 lila 08/02/2014 0:41

    É só um ENSAIO fotográfico e diga-se de passagem muito bom no que se refere a originalidade ! Nem era pra causar nenhum parnavuê porque os amigos deles são num sei oque… a aids num sei oque lá … o foco não é nem a aids ,é o trabalho em si , é a FOTOGRAFIA e tudo que ela passa . So acho rsssssss

  9. 62 egisto 08/02/2014 0:16

    se pans tem uns viciado como amigos…. ó a lata dos broder.

  10. 61 ulisses 07/02/2014 23:56

    A impressão captada pelo fotografo revela alma em sua expressão de compaixão para com o outro e medo de que a doença o tome roubada pelo desvio de alguns olhares. ninguém precisa ser gênio para sentir. Mas todos parecem idiotas em não pensar e dizer as asneiras que se publicada até agora. Talvez seja essa a diferença de um sueco para um desses que ai escrevem o que nem mesmo sabe pensar.

  11. 60 ADALTO JR. 07/02/2014 23:41

    Posso estar cometendo um erro de julgamento, mas em um primeiro momento penso que não passa de oportunismo e falta de assunto fotografar a expressão das pessoas íntimas diante de um situação que deve ser tratada em um contexto privado. Desnecessário do meu ponto de vista.

  12. 59 Marcia 07/02/2014 21:40

    Po, vc esperava o quê? Q os amigos rissem e comemorassem?

  13. 58 Marcia 07/02/2014 21:38

    O q vc esperava Hilton? Q ele recebe os parábens?? Lógico q os amigos ficam tristes com uma notícia dessa.

  14. 57 Hilton Oliveira 07/02/2014 19:30

    Feições negativas para um soro positivo.

  15. 56 Hilton Oliveira 07/02/2014 19:28

    Mesmo em situações difíceis como esta é possível tirar lições positivas para o soro positivo.

  16. 55 Cadu 07/02/2014 19:08

    Fotografia cada vez pior…

  17. 54 confradinho2 07/02/2014 19:04

    confradinho, vc escolhe seus amigos pela aparência ou pelo coração?

  18. 53 Look 07/02/2014 18:36

    Um pior que o outro!

  19. 52 domingos pellegrino 07/02/2014 18:32

    Primeiro cabe lembrar que a AIDS não é uma doença em que as pessoas devam ficar dizendo por aí, ainda mais explorar as reações das pessoas com tal doença, porque não se registra a face dos que passam fome, dos que vivem entulhados nos nosocômios brasileiros e mundial, porque esse fotógrafo não tenta fazer de sua doença um benefício aos que sofrem realmente com tal moléstia? não ficar se vangloriando em estar ou não com a doença AIDS, essa doença não é mérito a ninguém e não se deve aproveitar de uma situação dessas para se auto promover as custas daqueles que se chocam ao saberem que um amigo está acometido de tal doença, esse sujeito deveria mesmo se preocupar em se cuidar do que explorar os sentimentos alheios. belo fotografo ridículo.

  20. 51 confradinho 07/02/2014 18:16

    Caraca! Com esses tipos de amigos, imagino como não deve ser o infeliz…

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.